Home / Sem categoria / Proposta de reforma da Previdência acaba com o IPSEMG e retira direitos dos servidores

Proposta de reforma da Previdência acaba com o IPSEMG e retira direitos dos servidores

Com uma proposta de Reforma da Previdência estadual elaborada às pressas e sem qualquer diálogo com as categorias do funcionalismo, o governador Romeu Zema quer acabar de vez com o maior patrimônio dos servidores públicos de Minas Gerais, o IPSEMG.

Em um dos trechos mais graves e preocupantes do Projeto de Lei enviado à ALMG, o governo do Estado simplesmente propõe o desmonte do Instituto com a criação de uma autarquia independente – a MGPrev, separando assim a assistência à saúde da previdência, o que representaria o fim do Instituto.

É totalmente inadmissível que uma proposta tão prejudicial e danosa para o IPSEMG e todo o funcionalismo seja encaminhada para votação sem qualquer discussão prévia com os principais interessados, que são os servidores públicos.

Ressaltamos, ainda, que questões tão importantes e que terão um impacto tão significativo na vida dos servidores, inclusive com retirada de diversos direitos, não podem jamais ser tratadas de modo tão desrespeitoso. E isso se torna ainda mais grave quando feito em plena pandemia. É lamentável que o governo do Estado aproveite justamente esse momento para colocar em prática o desmonte do IPSEMG e do serviço público.

Veja também

IMG_3997

Precisamos intensificar as mobilizações virtuais contra a Reforma

Na reunião da Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária (FFO), realizada na tarde desta quarta-feira ...